top of page

Carta Aberta para a mãe que recebeu recente diagnóstico de autismo de uma criança


Menino, beijando uma mulher no rosto
Foto: @carolinealcantarafotografia

Mãe, fica calma, essa dor vai passar! Você vai parar de chorar, essa esse aperto no peito, vai diminuir e você vai voltar a sorrir!

É uma fase bem difícil, onde a gente se questiona porque, porque comigo, o que eu fiz? E as respostas não vem, simplesmente porque você não tem culpa de nada! A culpa não é sua, não foi nada que você fez, deixou de fazer.

Você tem direito de chorar se sentir triste, e não se sinta culpada por não querer um filho autista, ninguém quer nenhum tipo de deficiência pra um filho, nunca. Chore o tempo que precisar, as pessoas que não passaram pelo que você está passando nunca vão entender o que você está sentindo. Você tinha muitos planos para sua criança sonhava em ouvir a voz dela, tinha muitos planos para o futuro, até de profissões que ela deveria seguir e de repente, a gente não sabe nem se o nosso filho vai falar, se vai aprender a ler, se formar, dirigir, namorar, eu sei a gente fica sonhando lá na frente e também sofre antecipadamente por não saber como vai ser.

A gente chora porque não sabe como ajudar, chora porque tem medo do filho sofrer preconceito, chora porque a família não entende ou pelos amigos que não se importam, chora porque descobre que não vai ter condições de pagar o tratamento ideal, chora porque descobre que tem muitas leis que garantem o tratamento mas que não são cumpridas, chora porque descobre que vai precisar de muita força para lutar pelos direitos básicos, lutar por dignidade em pleno 2021.




Receba o meu abraço,


Amanda Ribeiro


Vem aí a Semana de Acolhimento de recém mães de autistas! Maio Furta-cor! Saúde Mental Materna Importa! INSCRIÇÃO GRATUITA NO LINK ABAIXO:




https://www.maiofurtacor.com.br/

Comments


POSTS RECENTES:
PROCURE POR TAGS:
bottom of page